Rádio amplia receita publicitária na Alemanha e também na Austrália

Desempenho nesses dois países acompanham cenário positivo já observado nos Estados Unidos e também no Reino Unido

24/03/2022


O rádio continua ampliando o seu faturamento em diferentes países do mundo. Neste início de 2022, o meio registrou alta na receita publicitária na Alemanha e também na Austrália. Os resultados colaboram para o bom momento vivido pelo rádio em diferentes países, que já vem de alta histórica no Reino Unido e um crescimento de destaque nos Estados Unidos. No caso da Alemanha, o avanço foi de 31,8%, sendo que a publicidade em geral avançou 9% no mesmo período. Os dados relacionados ao mercado alemão são da Nielsen.

Segundo uma reportagem do portal Radioszene, a Nielsen calculou uma receita bruta de 135.498 milhares de euros para o rádio em fevereiro de 2022, ou seja, um avanço de 31% em relação ao mesmo mês do ano passado. E o aumento das vendas nos primeiros dois meses de 2022 (em comparação com 2021) é de cerca de 33%, segundo a Nielsen. 

Quer receber notícias da ACAERT? Assine a newsletter - Assine aqui e receba por e-mail

O estudo completa informando que "todas as categorias de publicidade , sem exceção, se beneficiaram do clima de publicidade atualmente positivo na Alemanha no encurtado fevereiro de 2022". E a receita geral em fevereiro foi de EUR 2.533.640, contra EUR 2.315.708 registado no mesmo período de 2021.

A Nielsen ressalta que é importante compreender que os números do começo de 2021 estavam historicamente baixos, devido ao agravamento da crise da covid-19 naquele período. Porém, a reportagem da Radioszene indica que "de acordo com fontes, os números de fevereiro estão alimentando as esperanças de um desenvolvimento positivo contínuo das vendas ao longo do ano". 

Também vale destacar que o rádio iniciou antes a recuperação na receita publicitária no final de 2021, o que contribui com o otimismo do meio para o resto do ano. O tudoradio.com destacou esse quadro em janeiro, indicando que a receita publicitária do rádio alemão foi na contramão do mercado e subiu no final do ano passado.

Evolução da publicidade entre os meios. (Crédito: Nielsen e Radioszene)

Rádio australiano também está otimista

Lá do outro lado do planeta, o rádio australiano também está registrando números importantes quando o assunto é receita publicitária. Segundo dados divulgados pelo órgão do setor "Commercial Radio Australia" (CRA), o faturamento de estações de rádio comerciais metropolitanas aumentou 0,5% em fevereiro, para US$ 51,638 milhões. Isso representa doze meses consecutivos de ganhos desde o início da recuperação. Os dados foram repercutidos pelo portal RadioToday da Austrália.

“Houve alguns efeitos persistentes da onda Omicron que impactaram as cadeias de suprimentos de negócios, mas o mercado resistiu bem e as perspectivas para o resto do ano permanecem positivas", diz Joan Warner, diretora executiva da CRA. “Com a reabertura das fronteiras estaduais e internacionais e uma eleição federal à frente, esperamos ver o crescimento da publicidade voltar a uma base mais forte nos próximos meses”, completa a executiva.

Entre as maiores regiões metropolitanas analisadas pelo CRA, o mercado de Sydney foi o que mais avançou, reportando um aumento anual de 2,7% na receita de anúncios para US $15,155 milhões no mês de fevereiro.

Qual a razão de olhar para lá fora?

É bom observar esses pontos de curiosidade dos números do rádio internacional para mapear possíveis mudanças de hábitos e a manutenção do consumo de rádio em diferentes países. Assim como ocorreu no ano anterior, periodicamente a redação do portal irá monitorar o desempenho do rádio nos principais mercados do mundo e, é claro, fazendo sempre uma comparação com a situação brasileira. E, como de costume, repercutindo também qualquer número confiável sobre o consumo de rádio no Brasil.

Reporter: Tudorádio.com

Últimas notícias