Fapesc lança o 2º Prêmio de Jornalismo em Ciência, Tecnologia e Inovação

Prêmio busca reconhecer as contribuições dos profissionais de Comunicação de Santa Catarina no setor de CTI. Concorrem em seis categorias: Texto, Foto, Vídeo, Áudio, Acadêmico e Institucional

20/01/2022

(Foto: Gabriela Garcia/Fapesc)

Estão abertas as inscrições para o 2º Prêmio Fapesc de Jornalismo em CTI – Ciência, Tecnologia e Inovação. O objetivo é reconhecer as contribuições dos profissionais de Comunicação de Santa Catarina que produzem materiais jornalísticos para a valorização do setor. As inscrições podem ser feitas até 31 de maio de 2022.

O prêmio tem abrangência estadual e é dividido em seis categorias: Texto, Foto, Vídeo, Áudio, Acadêmico e Institucional (confira, abaixo os detalhes de cada um). Os materiais jornalísticos devem ser publicados por profissionais de Comunicação em veículos de imprensa e revistas/jornais/informativos institucionais sediados em Santa Catarina entre 29 de abril de 2021 e 27 de maio de 2022.

Quer receber notícias da ACAERT? Assine a newsletter - Assine aqui e receba por e-mail

Serão premiados o primeiro, o segundo e o terceiro colocados em cada uma das categorias, que receberão certificados, troféus e premiação financeira (R$ 10 mil, R$ 7 mil e R$ 5 mil, respectivamente). Ao todo, a Fapesc está investindo R$ 132 mil no edital. As inscrições devem ser feitas na Plataforma de CTI da FAPESC. 

O prêmio faz parte da “Jornada dos 25 anos da Fapesc”, que conta com uma série de ações para comemorar os 25 anos da fundação. De acordo com o presidente da fundação, Fábio Zabot Holthausen, os profissionais de comunicação são essenciais para ajudar no desenvolvimento do ecossistema de CTI. “A 2º edição do prêmio vem para coroar o trabalho de difusão das ações de CTI em Santa Catarina. A ideia é que a gente mantenha essa boa conexão com os nossos comunicadores. Queremos incentivar cada vez mais a criação de conteúdos, mostrando as ações da pesquisa, inovação e da aplicação da tecnologia.” 

Holthausen lembra que o setor é fundamental para o Estado. “O ecossistema de CTI envolve recursos públicos, a conexão com as universidades, com nossos empreendedores e com os parceiros que auxiliam o desenvolvimento do Estado. Tudo isso permite que Santa Catarina seja um estado empreendedor, inovador e gerador de conhecimento e que produza profissionais com alta capacidade em relação aos nossos mestrados e nossos doutorados. Cada vez que um profissional da comunicação mostra o que está sendo feito pelas nossas pessoas de Santa Catarina e pelas nossas instituições, nós temos novas conexões e motivamos novas pessoas a entrar neste ecossistema e inspiramos talentos a estarem dentro do ecossistema de CTI”.

“O jornalismo é muito importante para a divulgação do ecossistema de Ciência, Tecnologia e Inovação”, reforça a assessora de comunicação da Fapesc, Francieli Regina de Oliveira. “É o jornalista que faz com que as inovações, as pesquisas, tudo o que está sendo desenvolvido aqui em Santa Catarina chegue até os catarinenses. O Prêmio Fapesc de Jornalismo em CTI pretende reconhecer esses profissionais de comunicação e, por consequência, incentivar que os nossos pesquisadores, inovadores e empreendedores sejam cada vez mais fontes de matérias jornalísticas e possam divulgar os seus trabalhos.”


Confira as categorias

Texto: serão aceitas reportagens jornalísticas publicadas em jornais, revistas e portais de notícias com circulação em Santa Catarina, independentemente da periodicidade. A matéria deve ser de autoria do proponente. Em casos de veículos com circulação online e impressa será considerada a categoria escolhida no momento da inscrição, observando-se a documentação anexa.

Áudio: serão aceitas matérias jornalísticas, obrigatoriamente, veiculadas em emissoras de rádio de Santa Catarina com a devida comprovação. Também se encaixam nessa categoria podcasts disponíveis em sites especializados em publicação de podcasts, streamings, plataformas ou sites de veículos de comunicação de Santa Catarina. A matéria deve ser de autoria do proponente.

Vídeo: serão aceitas matérias jornalísticas, obrigatoriamente, veiculadas em emissoras de TV e WebTV de Santa Catarina com a devida comprovação. A matéria deve ser de autoria do proponente.

Foto: serão aceitas fotos ou fotolegendas com contexto jornalístico e foco em CTI publicadas em veículos de imprensa de Santa Catarina. A matéria deve ser de autoria do proponente.

Institucional: serão aceitos trabalhos jornalísticos institucionais publicados em sites de instituições catarinenses e que compõem o ecossistema de Ciência, Tecnologia e Inovação. Essa categoria abrange trabalhos de áudio, vídeo, texto e foto.

Acadêmico: serão aceitos trabalhos jornalísticos realizados por acadêmicos de jornalismo durante a realização do curso. Os trabalhos devem ser publicados em sites ligados às Instituições de Ensino Superior (IES). Essa categoria abrange trabalhos de áudio, vídeo, texto e foto.

Clique aqui para ler o edital

Reporter: Assessoria de Imprensa Fapesc

Últimas notícias